Aos 90 anos o padre Marcelo Pepin é um exemplo de missão profética e amor a Deus

O flagrante mostra o padre Marcelo Pepin com os anjos da guarda Maria do Espírito Santo Oliveira e Maria Cícera Nogueira, que zelam pelo grande filho de Deus.

Tem certos dias na vida da gente, que nos levam a reflexão de que eles são diferentes dos demais, principalmente quando são marcados por surpresas bem gratificantes e que chegam a tocar as ilimitadas reservas do espírito dos nossos corações. A grande surpresa que tive nos últimos tempos foi de encontrar hoje, o padre Marcelo Pepin, um religioso que há mais de 50 anos presta importantes serviços ao Povo de Deus do Maranhão, com ações evangelizadoras e formação de consciências criticas, mesmo com os seus 90 anos de idade. Tal qual um vinho de grande qualidade e sabor, Marcelo Pepin  mostra uma plena lucidez e é altamente atualizado quanto a Igreja Católica e os seus vários questionamentos, assim como as conjunturas politicas, sociais e econômicas.

Durante conversa que tivemos hoje, diante de um encontro casual e a descoberta de que estamos morando bem próximos, lembramos velhos tempos que se aproximam dos 50 anos. Lembramos, quando ele e outros padres canadenses moravam na rua do Sol, no sobrado em que foi o colégio Zuleide Bogéa.  Com Marcelo residiam os padres Rejean Racine, Gerard Dupont e mais dois religiosos que não me recordo.  Com a amizade feita com o padre Rejean Racine, então orientador espiritual dos jovens da Comunidade do Movimento Familiar Cristão, eu Carlos Nina, Betinho Nina, João Alexandre Costa Júnior, José Manoel e José Maria Alves da Silva sempre frequentávamos a residência dos chamados padre canadenses.

Foi um período muito importante de aprendizado e participação em movimentos e organização, diante da repressão que impedia até com contundência, reuniões de jovens que queriam ver sempre mais adiante. Padre Marcelo Pepin, lembrou-se de todos e disse que no Canadá por algumas vezes conversou com o padre Rejean Racine, que foi quem me casou e fez a celebração do batismo dos meus dois primeiros filhos, antes de retornar ao Canadá e que posteriormente veio apenas uma vez ao Maranhão.

Padre Marcelo Pepin em seus mais de 50 anos no Maranhão foi uma presença marcante em inúmeras comunidades de São Luís e do interior do Estado.  Escreveu uma grande história na evangelização e muito mais na formação de consciências criticas do Povo de Deus. Com a sua perseverança, ele continua aumentando mais capítulos a sua grande história, que na realidade faz parte da missão profética.

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *