Cézar Bombeiro e o povo da Liberdade gritam e lutam por direitos e o prefeito de São Luís se nega atender

O vereador Cézar Bombeiro esteve reunido com importantes lideranças das comunidades que integram o bairro da Liberdade, Fé em Deus e Camboa. Eles fizeram uma avaliação dos requerimentos e indicações feitas pelo vereador através da Câmara Municipal e chegaram a conclusão que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, tem se recusado terminantemente em respeitar os direitos da população dos bairros acima mencionados. Um dos lideres chegou a registrar que todos devem se unir e acionar o prefeito na justiça e também denunciar os mais diversos descasos como o da saúde, da educação, do transporte coletivo, além dos visíveis  casos de corrupção que podem ser identificados com facilidades.

Alguns serviços chegaram a ser realizados no bairro por intercessão do Ministério Público e até mesmo outros que fizeram parte de um Termo de Ajuste de Conduta não foi honrado até hoje. Enquanto o prefeito usa o Mais Asfalto para fazer politica para tentar reeleger deputado o seu pai, no bairro da Liberdade, não se tem nada e ninguém vai trocar voto por asfalto. O dia que recebermos uma proposta de tal nível vamos imediatamente denunciar para o Ministério Público Eleitoral, afirmou uma senhora.

O vereador Cézar Bombeiro registrou que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, discrimina o bairro e seus humildes moradores, que já votaram nele, acreditaram nele e ele simplesmente deu como resposta o abandono, como se os recursos públicos e a máquina administrativa sejam patrimônio particular dele e do grupinho que o reverencia.

A quadra do Japão é o marco do desrespeito do prefeito para com a população do bairro da Liberdade. A empresa contratada pela prefeitura que abandonou a obra desde a primeira administração do prefeito, chegou a aplicar calote em vários trabalhadores do bairro e em retaliação pelas denuncias feitas, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior nunca terminou a construção da quadra, muito embora haja recurso disponível na Caixa Econômica, conforme averiguou o vereador Cézar Bombeiro. As valas e galerias vão proporcionar novas enchentes no próximo inverno em vários bairros de São Luís e a responsabilidade é unicamente da prefeitura de São Luís, afirmou o vereador.

 

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *